sábado, 1 de maio de 2010

Não se fazem mais homens como antigamente


Esses dias eu estava assistindo MTV, ai passou uma vinheta de uma série do site da Revista Capricho que se chama Vida de Garoto. Ai eu reparei nos meninos dessa série. Com os cabelos mais arrumados que o meu no seu melhor dia. E fiquei com aquele pensamento tia velha na cabeça: Nossa na minha época, os meninos que eu curtia eram bem mais interessante.
Veja bem, na 6ª série, acho que eu tinha uns 12 anos. Eu estava dando adeus aos meus discos da Xuxa e do Sandy e Junior e entrando em um mundo mais legal que era do Rock.
Na escola quando vc passa de ano, vc troca de sala. Nessas trocas de sala, eu fiquei amigona da Japa maluca porque tínhamos um gosto musical bem parecido. E ela como tinha irmãos mais velhos, morando no Japão, ela tmb tinha toca CD. E tipo era outro mundo.
Lembro que eu furtava os discos de Vinil do meu irmão mais velho. Os discos em questão eram de bandas como, por exemplo:  Guns n’ Roses, Pink Floyd, Camisa de Vênus, Legião Urbana, Madonna e por ai vai.
E até então a referência masculina que eu tinha de algum garoto de banda, essa referência era o Junior do Sandy e Junior.  Né, que na época já fazia chapinha =)
A japa maluca curtia e muito os Titãs. Eu curtia muito mais a Legião Urbana.  Como não tinha MSN, e-mail essas formas modernas de comunicação, era só telefone mesmo e olha lá. Então como ela não podia me ligar pq a mãe dela ia escutar a conversa, ela me escreveu uma carta, falando que ela não conseguia dormir, ela estava chorando, pq ela não sabia mais como viver sem o Sergio Britto.
Que época genial. Em que ela sofria por não poder ficar com o Sergio Britto dos Titãs de um lado, e eu sofria do outro lado por não poder ficar com o Dado Villa-Lobos do Legião.
E ai da 6ª série do ensino fundamental até o 3º ano do ensino médio eu curtia esses caras aqui: Dado Villa-Lobos, Igor Cavalera, André Matos, Humberto Gessinger, Eddie Vedder, Chris Cornell e etc.
Hoje em dia temos meninos que usam chapinha, garotos que não sabem cantar e vampiros que não mordem. As coisas estão muito meia boca.
Entendo que a época era outra, os pensamentos eram diferentes. 
Mas acho que tudo e todos tem seu charme, é como a vida, tudo tem os dois lados.  Depende claro do seu ponto de vista. É o lance do copo meio cheio ou meio vazio. 
Para as meninadas hoje em dia o Justin Bieber é um copo meio cheio, pra mim ele é um copo meio vazio. Aperte Aqui.

5 comentários:

  1. Nada é como antigamente na verdade. Homens então....vou até rir. Mas nesse contexto, Eddie Vedder é o cara, e tenho dito. Copo cheio e ponto.

    beijos

    ResponderExcluir
  2. nossa, naquela época vc tava pior q a sua amiga hein? o dado é mona amiga. huauhahauhauahu a culpa dessa veadagem generalizada, emo e os caralho a 4 é da internet... criança nao tem como julgar o q é "bom", "legal", sei la o q mais, ai eles copiam a galera... por isso q esses eminhos sao todos iguais... mas qdo eles tiverem 30 anos eu quero ver se eles terão orgulho dessa fase medonha da vida deles. bjo jo

    ResponderExcluir
  3. Concordo plenamente! Esses meninos penteadinhos e de maquiagem na cara nem parecem homens, muito menos roqueiros ahuiahauhuia
    Justin Bieber, pra mim, é um copo completamente vazio =)
    não sei porque, anda tudo muito cute e menos rock n' roll. vai entender...

    ResponderExcluir
  4. Participe da campanha "Música em troca de Fraldas", que visa ajudar às crianças desabrigadas pelas chuvas no RJ:

    http://bleffepoprock.blogspot.com/2010/04/gostou-ajude-nos-continuar-fazendo.html

    ResponderExcluir
  5. Aquela época era uma época de protestos, ditaduras, etc..

    Hoje o jovem é muito acomodado, o que é uma pena...

    ResponderExcluir